Nova plataforma de alojamento, novos planos, maior rapidez e mais segurança

Nas passadas semanas a plataforma de alojamento Nuvens.pt transitou para novos servidores e agora todos os serviços de alojamento funcionam em discos SSD NVMe.

A velocidade dos discos SSD NVMe é até 6 vezes mais rápida do que os discos SATA SSD e 20 vezes mais rápida que os discos antigos discos HDD. Assim, a plataforma Nuvens.pt nunca foi tão rápida.

No entanto estes discos têm um custo mais elevado e como tal oferecemos agora novos planos de alojamento web que pode consultar em https://nuvens.pt/alojamento-web

Até ao final do ano todos os clientes serão transitados para estes novos planos e serão informados por email das novas condições e custos do novo plano.

Para além desta alteração de servidores, foram também implementadas novas funcionalidades.

Cópias de Segurança
As cópias de segurança são agora diárias e semanais (noite de sábado para domingo). Os últimos três dias estão agora disponíveis para restauro, bem como os últimos quatro domingos. São agora também possíveis os restauros de um só ficheiro, de uma parte do alojamento ou da sua totalidade.

Antivirus
Um novo antivirus foi implementado que automaticamente e regularmente corre e remove ou limpa algum ficheiro infectado em qualquer conta de alojamento. Os ficheiros removidos ou alterados são mantidos em quarentena durante 90 dias.

Bloqueios Pró-ativos
Na Firewall da plataforma foi introduzida uma lista de bloqueio de 10,000 IPs identificados por ataques em plataformas online e que é actualizada diariamente.

Desbloqueio Manual
Para proteção da plataforma sempre que alguém tenta efectuar login múltiplas vezes com as credenciais erradas a Firewall irá bloquear o IP. Este sistema já existia na antiga versão da plataforma mas agora será apresentado um teste de CAPTCHA que depois de correctamente resolvido desbloqueia o IP automaticamente sem que tenha de solicitar o desbloqueio.

Regras de Segurança
Introduzimos também um conjunto de regras de proteção para bloqueio de tentativas de acessos abusivos e proteção de recursos e dados.

Com estas alterações a plataforma Nuvens.pt está agora mais rápida e segura.

Actualização para MySQL 5.7

Com o ciclo de vida da versão 5.6 do MySQL a chegar ao fim, fizemos a actualização para a versão 5.7 do MySQL.

Esta versão será actualizada até 2020 e tem diversas melhoramentos:

  • Melhoramentos no PERFORMANCE_SCHEMA
  • 3x melhor performance (em alguns casos)
  • Novo Optimizer
  • Suporte para JSON nativo
  • Melhoramentos na replicação
  • Outros

No entanto, esta versão introduz o Strict Mode “por defeito” e isso poderá causar alguns problemas, nomeadamente quando tentamos inserir ou actualizar valores nulos num campo sem valor predefinido.

Agradecemos que verifique se o seu sistema está a funcionar como esperado e caso encontre algum problema, contacte-nos.

PHP 7.1 disponível e como actualizar

Recentemente disponibilizámos a versão 7.1 do PHP e implementámos o PHP-FPM para todos os alojamentos.

Todas as novas contas serão agora criadas utilizando a versão 7.1 do PHP e as contas actuais continuam na versão 5.6.

Pode a qualquer momento alterar a sua versão do PHP entrando no seu cPanel e clicando em MultiPHP Manager

Depois escolhendo o domínio na lista de domínios e indicando a versão para a qual pretende utilizar na lista de versões. Depois é só clicar em “Aplicar”.

Neste momento as versões disponíveis são:

  • PHP 5.5 (esta versão será removida no futuro pois já não recebe actualizações oficiais desde Julho de 2016)
  • PHP 5.6 (esta versão irá receber apenas actualizações de segurança até Dezembro de 2018)
  • PHP 7.0 (esta versão irá receber actualizações até Dezembro de 2018)
  • PHP 7.1 (esta versão irá receber actualizações até Dezembro de 2019)

Sugerimos a todos que actualizem para a versão 7.0 ou 7.1 pois estas versões oferecem uma melhor performance.

Lembramos ainda que com a introdução do PHP-FPM todos as páginas que dependem grandemente de PHP ficaram bem mais rápidas (10x em alguns casos). O PHP-FPM permite manter um cache no servidor dos scripts de PHP executados e evita que tenham de ser processados a cada chamada.

Estas alterações devem melhor a experiência para os utilizadores dos sites alojados no Nuvens e solicitamos que nos contacte caso tenha alguma dúvida ou se detectar algum problema que estas alterações tenham causado.

Chrome e Firefox começam a marcar sites HTTP como Não Seguros

Com o lançamento da versão 56 do Google Chrome e da versão 51 do Firefox, os sites HTTP começaram a ser marcados como “Não Seguros” sempre que nos mesmos seja solicitada informação pessoal, como senhas ou cartões de crédito.

Ou seja, se o acesso ao seu site ainda é feito via HTTP (exemplo: http://www.site.pt), nas páginas onde requer que os utilizadores insiram informação pessoal, os utilizadores vão passar a ver:

chrome-nao-seguro
no Google Chrome

example-dot-com-control-center-600x417
no Firefox

Com esta medida, a Google e a Mozilla pretendem acelerar a adopção do HTTPS, um protocolo que oferece uma maior garantia de segurança.

Para implementar HTTPS deve contactar a empresa que aloja o seu site e/ou o técnico que desenvolveu o mesmo para saber quais as alterações necessárias. Lembro que é necessário que todas as chamas no código passem a ser efectuadas via HTTPS para que não apareçam erros de “mix content”.

Na maioria dos casos será bastante simples fazer a alteração e alguns planos de alojamento incluem certificado SSL (necessita um certificado SSL para implementar o acesso via HTTPS). Em Nuvens.pt oferecemos um certificado SSL grátis em todos os nossos planos de alojamento.

Caso tenha alguma dúvida sobre o seu site pode sempre contactar-nos. Se quer saber mais HTTPS e os diferentes tipos de certificados SSL visite: Certificados SSL Grátis para todos!